Joaquim do Ajudante, a Monografia de Paredes e a casa Brasonada da Praça do Avelino

Já há muitos anos, desde miúdo que minha mãe e avó materna me contavam a história de um nosso antepassado que tinha afugentado o Zé do Telhado de um assalto aqui na região.

A história está presente na monografia de Paredes do Dr. José do Barreiro que pretendeu preservá-la e muito bem, que na altura já suspeitaria que cairia no esquecimento,  visto este episódio ter-se passado no século XIX.

Pois bem, Joaquim do Ajudante, descobri agora, trata-se de Joaquim Monteiro Coelho da Silva casado com Maria Coelho da Silva, filha do Major José Coelho da Silva e D. Rita de Garcia da casa do Ermo. Ele era filho de Manuel Caetano Coelho da Silva e Maria Rosa Coelho Borges.

Vim agora descobrir que era o meu tetravô e que habitou precisamente a casa brasonada da Praça do Avelino.

publicado por Rafael às 16:40 | comentar | favorito