30
Dez 11

Fotografia do Parque José Guilherme em 1942

 

 Fotografia datada de 1942 da parte central do Parque José Guilherme onde se vê ao fundo o novo edifício da Câmara Municipal.

 

"A principal praça da vila tem o nome de José Guilherme Pacheco. Alguém nos informou que é igual em dimensões à do terreiro do Paço, em Lisboa, (...) É quadrada com cem metros de lado. A sua área é, pois, um hectare. O cemitério da vila tem as mesmas dimensões." (BARRREIRO, José 1922, pág. 305)

 

Actualmente a configuração foi alterada pela eliminação da rua que passava mesmo em frente ao edifício da câmara.

publicado por Rafael às 18:35 | comentar | favorito
25
Dez 11

Estátua do Conselheiro, José Guilherme Pacheco erigida em 1927

Estátua José Guilherme - Paredes

Fotografia da estátua do Conselheiro, José Guilherme Pacheco em Março de 1928

 

José Guilherme Pacheco nasceu a 10 de Fevereiro de 1823, no Rio de Janeiro. Seu pai regressou à sua terra em Nevogilde, Lousada, na Casa das Vinhas, tinha ele seis meses acompanhado de sua mãe nascida no Brasil mas filha de pais Portugueses.

Viria a falecer a 7 de Dezembro de 1889, com 66 anos, no Porto.

Foi em 1927 que foi erigida a estátua do Conselheiro, José Guilherme Pacheco depois de uma resolução da Comissão Municipal Administrativa cujo o presidente era Dr. José Correia Abreu Pinto Cabral.

 

Sobre este benemérito existe um livro editado a 10 de Julho de 1990, pela Livraria Maia, da autoria do Dr. António Carmindo de Sousa Maia, no centenário da morte, 1889 - 1989.

publicado por Rafael às 21:10 | comentar | ver comentários (1) | favorito
03
Dez 11

Residência permanente do conselheiro José Guilherme Pacheco

Casa onde viveu o conselheiro José Guilherme Pacheco

 

"Na Praça Capitão Torres de Meireles, antiga Praça do Avelino, a norte, existe a casa então conhecida por Casa da Dona Guilhermina, nora de José Guilherme, esposa do seu filho Abel. Foi residência permanente do conselheiro." in: "José Guilherme Pacheco - Rei de Paredes" de António Carmindo de Sousa Maia.

publicado por Rafael às 18:44 | comentar | ver comentários (2) | favorito